TwitterFacebook

Aquivo de Tags: cordel

Direitos trabalhistas ganham a literatura do cordel

Ela é goiana, mas é arretada nas rimas e nos trocadilhos em nordestinês que herdou por influência dos pais. Não à toa, como recita em cantoria “Eu sou enfermeira-artista, a poetisa do cuidar. Eu gosto de carne seca e também de mungunzá. Simbora, gente pra Feira, Meu livro de Cordel vou lançar!”. Enfermeira, atriz, poetisa,…

  Leia mais

Categorias

Sobre

Redes Sociais

Mais…

Your browser doesn't support canvas.